sexta-feira, 22 de setembro de 2017

As Regras da Sedução - Madeline Hunter

As Regras da Sedução - Madeline Hunter  

Editora: Arqueiro
Ano da Edição: 2013
Páginas: 272
Título Original: The Rules Of Seduction

Sinopse
Lorde Hayden Rothwell chega à casa de Alexia Welbourne sem aviso e sem ser convidado um homem poderoso e sedutor, movido por interesses obscuros. Sua visita anuncia a ruína financeira da família de Alexia e o fim das esperanças da jovem de um dia conseguir um bom casamento. Para se sustentar, a moça recebe a proposta de ser dama de companhia de Lady Henrietta Wallingford e preceptora de sua filha. O problema é que a oferta vem do sobrinho de Henrietta, ninguém menos que lorde Hayden. Morando na casa da tia de Rothwell, Alexia descobre que a proximidade com o homem que destruiu sua família pode ser perigosamente irresistível. Num gesto impensado, ela se entrega a ele, e ambos se veem obrigados a se casar. O que Alexia não sabe é que os atos aparentemente arrogantes de seu belo e sensual marido são motivados por uma dívida de honra que pode levá-lo a sacrificar tudo. Com tantas mágoas e segredos entre eles, o casal tem tudo para se manter afastado. Mas Hayden é um homem apaixonante e Alexia, a tentação que o faz perder a cabeça. Morando sob o mesmo teto, eles acabam se aproximando e, juntos, vão descobrir um jogo de sedução em que cada um faz as próprias regras.



Resenha

segunda-feira, 18 de setembro de 2017

Mil Beijos de Garoto - Tillie Cole

Mil Beijos de Garoto - Tillie Cole

Editora: Planeta
Ano da Edição: 2017
Páginas: 400
Título Original: A Thousand Boy Kisses

Sinopse
Um beijo dura um instante. Mas mil beijos podem durar uma vida inteira. Um garoto. Uma garota. Um vínculo que é definido num momento e se prolonga por uma década. Um vínculo que nem o tempo nem a distância podem romper. Um vínculo que vai durar para sempre. Ao menos era o que eles imaginavam. Quando, aos dezessete anos, Rune Kristiansen retorna da Noruega para o lugar onde passou a infância – a cidade americana de Blossom Grove, na Geórgia –, ele só tem uma coisa em mente: reencontrar Poppy Litchfield, a garota que era sua cara-metade e que tinha prometido esperar fielmente por seu retorno. E ele quer descobrir por que, nos dois anos em que esteve fora, ela o deletou de sua vida sem dar nenhuma explicação.



Resenha

sexta-feira, 15 de setembro de 2017

Assassinato No Expresso do Oriente - Agatha Christie

Assassinato No Expresso do Oriente - Agatha Christie

Editora: Record
Ano da Edição: 1986
Páginas: 189
Título Original: Murder on the Orient Express

Sinopse
Pouco depois da meia-noite, uma tempestade de neve para o Expresso do Oriente nos trilhos. O luxuoso trem está surpreendentemente cheio para essa época do ano. Mas, na manhã seguinte, há um passageiro a menos. Um americano é encontrado morto em sua cabina, com doze facadas, e a porta estava trancada por dentro. Pistas falsas são colocadas no caminho de Hercule Poirot para tentar mantê-lo fora de cena, mas, num dramático desenlace, ele apresenta não uma, mas duas soluções para o crime.



Resenha

Em 15 de setembro de 1890 nascia Agatha Christie, que veio a se tornar uma das maiores escritoras de romances policiais. Seu famoso detetive Hercule Poirot protagoniza a maioria de seus livros e intriga leitores por todo o mundo. Suas obras já foram adaptadas para séries de TV e também filmes. Em novembro próximo estreará um filme baseado no livro "Assassinato do Expresso Oriente", decidi, então, aproveitar o aniversário da autora para fazer a resenha deste livro.

segunda-feira, 11 de setembro de 2017

Ecos - Pam Muñoz Ryan

Ecos - Pam Muñoz Ryan

Editora: Darkside
Ano da Edição: 2017
Páginas: 368
Título Original: Echo

Sinopse
Ecos, da premiada escritora norte-americana Pam Muñoz Ryan, é uma fábula como há muito não se via – ou se ouvia. Um conto de fadas dark, que resgata o melhor da tradição dos irmãos Grimm, combinado com delicados momentos do século XX, como as duas grandes guerras e a Depressão econômica que assolou os Estados Unidos nos anos 1930. O resultado é uma fantasia histórica repleta de perigos e beleza, emoldurada pelo poder da música. A aventura começa cinquenta anos antes da Primeira Guerra Mundial — “a guerra para acabar com todas as guerras” —, quando o pequeno Otto se perde na Floresta Negra e encontra as três irmãs encantadas, prisioneiras de uma velha bruxa, que conhecia apenas das páginas de um livro, e acreditava ser apenas uma lenda. Como em um passe de mágica, as irmãs ajudam o garoto a encontrar o caminho de casa. E Otto promete libertá-las, levando o espírito das três dentro de uma inusitada gaita de boca. Ao longo dos anos, o instrumento chega à mão de novos donos: um menino que vê o sonho de se tornar músico interrompido pela ascensão do nazismo; um jovem pianista prodígio que vive num orfanato e luta para não ser separado do irmão caçula; uma filha de imigrantes mexicanos que cuidam de uma casa de japoneses enviados a um campo de concentração dentro dos Estados Unidos, durante a Segunda Guerra Mundial. Personagens com dramas diferentes, mas um amor transformador pela música. Cada um à sua maneira, eles são afetados pela magia das três irmãs. Assim como os leitores do livro em todos os países em que ECOS foi lançado. Prepare-se para também ser arrebatado e enfeitiçado por essa fábula harmônica.



Resenha

quinta-feira, 7 de setembro de 2017

1822 - Laurentino Gomes

1822 - Laurentino Gomes

Editora: Globo Livros
Ano da Edição: 2015
Páginas: 376
Título Original: 1822

Sinopse
O segundo volume da premiada trilogia de Laurentino Gomes, dedicado à Independência do Brasil, está de volta às livrarias em uma edição revista e ampliada pela Globo Livros. 1822 traz importantes novidades, como os resultados da exumação dos restos mortais de Dom Pedro e suas duas mulheres oficiais, as imperatrizes Leopoldina e Amélia, realizada em 2012 pela arqueóloga e historiadora Valdirene do Carmo Ambiel, da Universidade de São Paulo. Os exames ajudaram a esclarecer mistérios na vida desses três personagens. Mostraram, por exemplo, que em consequência de dois acidentes a cavalo, ocorridos no Rio de Janeiro em 1823 e 1829, o imperador havia fraturado quatro costelas do lado esquerdo. Essas fraturas praticamente inutilizaram parte um de seus pulmões, o que pode ter agravado a tuberculose que o matou em 1834. Em 1822, Laurentino compara diferentes relatos sobre o dia 7 de setembro e a proclamação da independência. Mais do que desmistificar o grito às margens do Ipiranga, o escritor analisa como Dom Pedro conseguiu, apesar de todas as dificuldades, fazer do Brasil uma nação na sequência das mudanças provocadas pela fuga da família real portuguesa em 1808. O autor mostra como as Guerras Napoleônicas, a Revolução Francesa e a independência dos Estados Unidos, entre outros acontecimentos, criaram um ambiente favorável à criação de um novo país nos trópicos. Laurentino une a pesquisa a um texto leve e saboroso que trata história como um assunto cativante, que nos leva a compreender melhor as origens do Brasil e como problemas estruturais ainda influenciam a nossa realidade hoje. Vencedor do Prêmio Jabuti de Melhor Reportagem e aclamado como Livro do Ano de Não Ficção, 1822 é uma leitura essencial para todos que desejam compreender melhor o nosso país.



Resenha

A resenha de sexta dessa semana foi antecipada para a quinta, para podermos utilizar a data especial de 7 de setembro e falarmos sobre os 195 anos do dia da nossa independência. O segundo livro da trilogia de Laurentio Gomes, 1822, fala justamente sobre esse marco na nossa história: a situação política e social no Brasil daquela época, os motivos e os acontecimentos que culminaram no Grito da Independência dado por D. Pedro.

segunda-feira, 4 de setembro de 2017

D. Pedro: A história não contada - Paulo Rezzutti

D. Pedro: A história não contada - Paulo Rezzutti

Editora: LeYa
Ano da Edição: 2015
Páginas: 432
Sinopse
Mais do que um dos personagens da independência do Brasil e herói liberal na Europa, D. Pedro foi um filho devotado, um irmão presente e um pai amoroso e preocupado com a educação dos filhos. Essas facetas pouco conhecidas, bem como o que houve com o monarca após deixar o Brasil, a guerra em que se envolveu contra o irmão para restabelecer a filha no trono de Portugal, são abordadas com profundidade neste livro. A análise mais íntima de D. Pedro permitiu relacionar ocorrências de sua vida particular que precipitaram ações estratégicas e políticas. Como nos trabalhos anteriores de Paulo Rezzutti, D. Pedro, a história não contada é garantia de boa leitura.



Resenha

sexta-feira, 1 de setembro de 2017

Harry Potter e a Pedra Filosofal (Edição Ilustrada) - J.K. Rowling

Harry Potter e a Pedra Filosofal (Edição Ilustrada) - J.K. Rowling

Editora: Rocco
Ano da Edição: 2016
Páginas: 256
Título Original: Harry Potter and the Philosopher’s Stone

Sinopse
Primeiro dos sete livros da série que se tornou o maior fenômeno editorial de todos os tempos, com mais de 450 milhões de exemplares vendidos em todo o mundo, Harry Potter e a Pedra Filosofal chega às livrarias brasileiras em 1º de junho em edição ilustrada. Perfeita para a legião de fãs da série de J.K. Rowling e para as novas gerações que estão descobrindo a leitura, a nova edição é ilustrada por Jim Kay, ganhador da Kate Greenaway Medal, que fez um trabalho minucioso ao recriar o universo de Harry Potter em imagens e cores. Com projeto gráfico sofisticado, o livro, que traz o texto integral de J.K. Rowling, chega às lojas com capa dura, sobrecapa, miolo em papel couché e protegido por uma luva ilustrada.



Resenha

Hoje, 1º de setembro, é o dia de volta às aulas em Hogwarts! Como fã incondicional da série Harry Potter, não poderia deixar de fazer uma resenha que tenha a ver com esse mundo mágico que a J.K. Rowling nos apresentou. E escolhi fazer a resenha da maravilhosa edição ilustrada do primeiro livro do nosso querido bruxo: Harry Potter e a Pedra Filosofal.

segunda-feira, 28 de agosto de 2017

Malagueta, Perus e Bacanaço - João Antônio

Malagueta, Perus e Bacanaço - João Antônio

Editora: Cosac Naify
Ano da Edição: 2015
Páginas: 224
Sinopse
Livro de estréia em que João Antonio, aos 26 anos, viu-se imediatamente apontado pela crítica como sucessor da tradição fundada por Mário de Andrade e Antônio de Alcântara Machado, em que a literatura e a capital paulistana são indissociáveis. Os contos de abertura equilibram com maestria a emotividade de histórias simples e uma notável ausência de sentimentalismo. Os últimos instauram aquele que seria um dos temas primordiais da obra do escritor: o mundo da sinuca e da malandragem, com seus tipos, sua ética, sua estética, por meio de uma estilização brilhante da linguagem oral.



Resenha

sexta-feira, 25 de agosto de 2017

O Bicho-da-Seda - Robert Galbraith (J.K. Rowling)

O Bicho-da-Seda - Robert Galbraith (J.K. Rowling)

Editora: Rocco
Ano da Edição: 2014
Páginas: 464
Título Original: The Silkworm

Sinopse
O detetive Cormoran Strike retorna no novo mistério de Robert Galbraith, autor do best-seller internacional 'O Chamado do Cuco'. Quando o escritor Owen Quine desaparece, sua esposa vai a procura de Strike. De início, a Sra. Quine pensa que seu marido apenas se afastou por conta própria, por uns dias — como já tinha feito antes — e ela pede a Strike para que o encontre e o traga para casa. Mas conforme Strike investiga o caso, se torna claro que há mais no desaparecimento de Owen do que sua mulher pensa. O escritor havia terminado um manuscrito contendo descrições venenosas de quase todos que conhecia. Se o livro fosse publicado, poderia arruinar vidas: o que significa que existiam várias pessoas que poderiam querer silenciá-lo. Quando Quine é encontrado brutalmente assassinado em circunstâncias bizarras, a investigação se torna uma corrida contra o tempo para entender a motivação de um assassino impiedoso, um assassino como Strike nunca havia visto antes.



Resenha

segunda-feira, 21 de agosto de 2017

Uns e Outros: Contos Espelhados - Vários Autores

Uns e Outros: Contos Espelhados - Vários Autores

Editora: Dublinense para TAG
Ano da Edição: 2017
Páginas: 272
Sinopse
A ideia do livro foi que dez autores lusófonos escolhessem um conto cada, de um autor considerado clássico, para servir de inspiração para uma releitura original. Desta forma, o debate vai girar em torno das influências literárias, do processo de recriação de obras clássicas e dos efeitos do espelhamento resultante dessa experiência.



Resenha

sexta-feira, 18 de agosto de 2017

A Melodia Feroz - Victoria Schwab

A Melodia Feroz - Victoria Schwab

Editora: Seguinte
Ano da Edição: 2017
Páginas: 384
Título Original: This Savage Song

Sinopse
Kate Harker e August Flynn vivem em lados opostos de uma cidade dividida entre Norte e Sul, onde a violência começou a gerar monstros de verdade. Eles são filhos dos líderes desses territórios inimigos e seus objetivos não poderiam ser mais diferentes. Kate sonha em ser tão cruel e impiedosa quanto o pai, que deixa os monstros livres e vende proteção aos humanos. August também quer ser como seu pai: um homem bondoso que defende os inocentes. O problema é que ele é um dos monstros, capaz de roubar a alma das vítimas com apenas uma nota musical. Quando Kate volta à cidade depois de um longo período, August recebe a missão de ficar de olho nela, disfarçado de um garoto comum. Não vai ser fácil para ele esconder sua verdadeira identidade, ainda mais quando uma revolução entre os monstros está prestes a eclodir, obrigando os dois a se unir para conseguir sobreviver.



Resenha

segunda-feira, 14 de agosto de 2017

A Lógica Inexplicável da Minha Vida - Benjamin Alire Sáenz

A Lógica Inexplicável da Minha Vida - Benjamin Alire Sáenz

Editora: Seguinte
Ano da Edição: 2017
Páginas: 440
Título Original: name

Sinopse
Salvador levava uma vida tranquila e descomplicada ao lado de seu pai adotivo gay e de Sam, sua melhor amiga. Porém, o último ano do ensino médio vem acompanhado de mudanças sobre as quais o garoto não tem nenhum controle, como ímpetos de raiva que ele não costumava sentir. Além disso, Salvador tem que lidar com a iminente morte da avó, com uma tragédia repentina que acontece na vida de Sam e com o fato de seu pai estar se reaproximando de um ex-namorado. Em meio a esse turbilhão de sentimentos, que vão do luto ao amor e da amizade à solidão, Sal passa a questionar sua própria origem e identidade, e tenta encontrar alguma lógica para a sua vida uma tarefa que parece quase impossível.



Resenha

sexta-feira, 11 de agosto de 2017

Capitães da Areia - Jorge Amado

Capitães da Areia - Jorge Amado

Editora: Record
Ano da Edição: 1980
Páginas: 231
Título Original: Capitães da Areia

Sinopse
Desde o seu lançamento, em 1937, Capitães da Areia causou escândalo: inúmeros exemplares do livro foram queimados em praça pública, por determinação do Estado Novo. Ao longo de sete décadas a narrativa não perdeu viço nem atualidade, pelo contrário: a vida urbana dos meninos pobres e infratores ganhou contornos trágicos e urgentes. Várias gerações de brasileiros sofreram o impacto e a sedução desses meninos que moram num trapiche abandonado no areal do cais de Salvador, vivendo à margem das convenções sociais. Verdadeiro romance de formação, o livro nos torna íntimos de suas pequenas criaturas, cada uma delas com suas carências e suas ambições: do líder Pedro Bala ao religioso Pirulito, do ressentido e cruel Sem-Pernas ao aprendiz de cafetão Gato, do sensato Professor ao rústico sertanejo Volta Seca. Com a força envolvente da sua prosa, Jorge Amado nos aproxima desses garotos e nos contagia com seu intenso desejo de liberdade.



Resenha

Ontem, 10/08/2017, seria o aniversário de 105 anos de Jorge Amado. Por isso, resolvi fazer uma resenha sobre Capitães da Areia, um dos livros mais famosos dele, que li para o vestibular e me encantei com o autor.

segunda-feira, 7 de agosto de 2017

Limonov - Emmanuel Carrère

Limonov - Emmanuel Carrère

Editora: Alfaguara para TAG
Ano da Edição: 2017
Páginas: 377
Título Original: Limonov

Sinopse
Fenômeno de vendas na França e vencedor de prêmios importantes, Limonov, conta na forma de um romance eletrizante, uma história real: a vida de uma figura polêmica cuja trajetória - de poeta russo a revolucionário, de celebridade a presidiário - acompanha a própria história da Europa no século XX. De forma inovadora, Emmanuel Carrère parte de fatos reais - a vida de Eduard Limonov, delinquente, escritor, mendigo, mordomo, político radical russo - para construir uma história de não ficção com as bases clássicas do romance, em que acompanhamos a vida e as peripécias de um personagem marcante, passando por uma série de quedas e apogeus. Para colher informações realistas sobre o personagem, o escritor teve encontros diários durante duas semanas com Limonov. “Limonov não é um personagem de ficção. Ele existe. Eu o conheço. Ele foi delinquente na Ucrânia, ídolo do underground soviético; mendigo, depois mordomo de um bilionário em Manhattan; escritor da moda em Paris; soldado perdido nas guerras dos Bálcãs; e agora, no imenso caos do pós-comunismo na Rússia, velho chefe carismático de um partido de jovens desesperados. Ele mesmo se vê como herói, podemos considerá-lo um tratante: suspendo neste ponto meu julgamento. É uma vida perigosa, ambígua: um verdadeiro romance de aventuras. É também, creio eu, uma vida que conta alguma coisa. Não apenas sobre ele, Limonov, não apenas sobre a Rússia, mas sobre a história de nós todos desde o fim da Segunda Guerra Mundial”, revela o autor.



Resenha

sexta-feira, 4 de agosto de 2017

Fantastic Beasts and Where to Find Them - J.K. Rowling

Fantastic Beasts and Where to Find Them - J.K. Rowling

Editora: Little Brown
Ano da Edição: 2016
Páginas: 304
Título Original: Fantastic Beasts and Where to Find Them

Sinopse
When Magizoologist Newt Scamander arrives in New York, he intends his stay to be just a brief stopover. However, when his magical case is misplaced and some of Newt's fantastic beasts escape, it spells trouble for everyone… Fantastic Beasts and Where to Find Them marks the screenwriting debut of J.K. Rowling, author of the beloved and internationally bestselling Harry Potter books. Featuring a cast of remarkable characters, this is epic, adventure-packed storytelling at its very best. Whether an existing fan or new to the wizarding world, this is a perfect addition to any reader's bookshelf.



Resenha


A sinopse e o título estão em inglês, pois li a versão britânica do roteiro, mas a Editora Rocco já lançou aqui a versão brasileira. 

segunda-feira, 31 de julho de 2017

Harry Potter: Film Wizardry - Brian Sibley

Harry Potter: Film Wizardry - Brian Sibley

Editora: Harper Design
Ano da Edição: 2012
Páginas: 164
Sinopse
Immerse yourself in the world of the spectacular Harry Potter film series, and learn why Yule Ball ice sculptures never melt, where Galleons, Sickles, and Knuts are really "minted," how to get a Hippogriff to work with actors, the inspiration behind Hogwarts castle, and why Dementors move the way they do. Written and designed in collation with the cast and crew that brought J. K. Rowling's celebrated novels to the silver screen, Harry Potter: Film Wizardry delivers an enchanting interactive experience, transporting readers to the wizarding world by sharing film-making secrets, unpublished photography and artwork, and exclusive stories from the stars. Full of removable facsimile reproductions of props and paper ephemera from the movies, this collectible volume offers a privileged look at the Harry Potter films and the talented group of Muggles that has made true movie magic.



Resenha

sexta-feira, 28 de julho de 2017

Os Três Mosqueteiros - Alexandre Dumas

Os Três Mosqueteiros - Alexandre Dumas

Editora: Ediouro
Ano da Edição: 2004
Páginas: 626
Título Original: name

Sinopse
Publicado pela primeira vez no diário parisiense La Presse entre março e julho de 1844, “Os três mosqueteiros” nasceu folhetim e passou à posteridade como um dos clássicos obrigatórios de língua francesa. Homem de seu tempo, Alexandre Dumas encarnou em sua vida e obra as transformações de um século que assiste ao ocaso do "homem letrado" e ao nascimento de uma cultura de consumo. Por isso, “Os três mosqueteiros” combina o apelo de um capa & espada com a influência duradoura da melhor literatura. A história de d'Artagnan, jovem recém-chegado a Paris, que conhece Aramis, Porthos e Athos - mosqueteiros de Luís XIII -, e do seu envolvimento na luta contra o cardeal Richelieu e a agente Milady de Winter, é repleta de reviravoltas, suspense e diálogos brilhantes. O contexto é o da França do século XVII (a trama começa a ser contada em 1648, no fim da Guerra dos Trinta Anos), em meio à guerra civil entre católicos e huguenotes, intrigas palacianas e instabilidade política. Misturando ficção e fatos históricos, Dumas coloca o bravo d'Artagnan para salvar a honra da rainha Ana de Áustria, envolvida em um imbróglio amoroso com o duque de Buckingham, braço direito do rei Carlos I da Inglaterra. Os mosqueteiros também participam do cerco a La Rochelle (1629), mas fracassam ao tentar salvar a vida do duque, que acaba sendo assassinado pela fugitiva Milady, aliada de Richelieu. Os heróis elegantes e as donzelas inatingíveis de “Os três mosqueteiros” são representantes de um mundo onde palavras como "glória" e "honra" não eram simplesmente figuras de retórica.



Resenha

Se estivesse vivo, Alexandre Dumas faria ontem, 27 de julho, 193 anos. Então, decidi vir aqui prestar uma singela homenagem falando sobre Os Três Mosqueteiros, um livro maravilhoso com uma história épica, que mistura aventura, ação, romances e toques cômicos em proporções exatas.

segunda-feira, 24 de julho de 2017

Astronauta: Magnetar - Danilo Beyruth

Astronauta: Magnetar - Danilo Beyruth

Editora: Panini Comics - Mauricio de Sousa Editora
Ano da Edição: 2012
Páginas: 82
Sinopse
O Astronauta, personagem que singra o espaço sideral sozinho em sua nave há anos, visita uma galáxia distante para estudar um magnetar, uma estrela de nêutrons que possui um campo magnético estimado em 1 bilhão de teslas. Mas ele comete um erro que pode custar sua vida. Agora, com a nave danificada e sem comunicação, ele está “náufrago no espaço” e precisa encontrar uma forma de escapar antes de ser derrotado pela insanidade que insiste em tomar sua mente. E a saída pode estar em aliar a tecnologia aos ensinamentos de seu velho avô, há tanto tempo falecido...



Resenha

sexta-feira, 21 de julho de 2017

O Velho e o Mar - Ernest Hemingway

O Velho e o Mar - Ernest Hemingway

Editora: Bertrand Brasil
Ano da Edição: 2015
Páginas: 126
Título Original: The Old Man and the Sea

Sinopse
Depois de anos na profissão, havia 84 dias que o velho pescador Santiago não apanhava um único peixe. Por isso já diziam se tratar de um salão, ou seja, um azarento da pior espécie. Mas ele possui coragem, acredita em si mesmo, e parte sozinho para alto-mar, munido da certeza de que, desta vez, será bem-sucedido no seu trabalho.Esta é a história de um homem que convive com a solidão, com seus sonhos e pensamentos, sua luta pela sobrevivência e a inabalável confiança na vida. Com um enredo tenso que prende o leitor na ponta da linha, Hemingway escreveu uma das mais belas obras da literatura contemporânea Uma história dotada de profunda mensagem de fé no homem e em sua capacidade de superar as limitações a que a vida o submete.



Resenha

Hoje, 21 de julho, é o aniversário de 118 anos do nascimento de Ernest Hemingway, e aproveitei essa data para ler um livro do celebrado autor, que ganhou um Prêmio Pulitzer e um Nobel de Literatura. O livro escolhido para que eu pudesse conhecer um pouco da sua obra foi “O Velho e o Mar”, seu livro mais famoso. 

segunda-feira, 17 de julho de 2017

Foras da Lei Barulhentos, Bolhas Raivosas e Algumas Outras... - Vários Autores

Foras da Lei Barulhentos, Bolhas Raivosas e Algumas Outras... - Vários Autores

Editora: Cosac Naify
Ano da Edição: 2012
Páginas: 224
Título Original: Noisy Outlaws, Unfriendly Blobs, and Some Other...

Sinopse
O título é de perder o fôlego: "Foras da lei barulhentos, bolhas raivosas e algumas outras coisas que não são tão sinistras, quem sabe, dependendo de como você se sente quanto a lugares que somem, celulares extraviados, seres vindos do espaço, pais que desaparecem no Peru, um homem chamado Lars Farf e outra história que não conseguimos acabar, de modo que talvez você possa quebrar esse galho". O mesmo vale para a seleção dos autores, alguns dos mais celebrados escritores contemporâneos de língua inglesa, entre os quais Neil Gaiman, Nick Hornby, Jonathan Safran Foer, Jeanne DuPrau e Lemony Snicket. Uma compilação de onze contos, cada um ilustrado por um artista diferente, entreos quais vale destacar Barry Blitt (já criou vinte capas da revista New Yorker), Lane Smith (de A verdadeira história dos três porquinhos, de Jon Scieska), David Heatley (colaborador do jornal The New York Times) e Peter de Sève (criador dos personagens da animação "A era do gelo"). Em comum, as histórias trazem um quê de estranhamento do mundo, com inocência infantil. Os autores, reconhecidos pela qualidade literária de suas obras destinadas aos adultos, não subestimam o jovem leitor. Em tempos de literatura enlatada, isso é, sem dúvida, o que faz deste livro algo tão sinistro.



Resenha

sexta-feira, 14 de julho de 2017

O Chamado do Cuco - Robert Galbraith (J.K. Rowling)

O Chamado do Cuco - Robert Galbraith (J.K. Rowling)

Editora: Rocco
Ano da Edição: 2013
Páginas: 448
Título Original: The Cuckoo's Calling

Sinopse
Quando uma modelo problemática cai para a morte de uma varanda coberta de neve, presume-se que ela tenha cometido suicídio. No entanto, seu irmão tem suas dúvidas e decide chamar o detetive particular Cormoran Strike para investigar o caso. Strike é um veterano de guerra, ferido física e psicologicamente, e sua vida está em desordem. O caso lhe garante uma sobrevida financeira, mas tem um custo pessoal: quanto mais ele mergulha no mundo complexo da jovem modelo, mais sombrias ficam as coisas e mais perto do perigo ele chega. Um emocionante mistério mergulhado na atmosfera de Londres, das abafadas ruas de Mayfair e bares clandestinos do East End para a agitação do Soho. O Chamado do Cuco é um livro maravilhoso. Apresentando Cormoran Strike, este é um romance policial clássico na tradição de P. D. James e Ruth Rendell, e marca o início de uma série única de mistérios.



Resenha

segunda-feira, 10 de julho de 2017

A Princesa Leal - Philippa Gregory

A Princesa Leal - Philippa Gregory

Editora: Record
Ano da Edição: 2014
Páginas: 448
Título Original: The Constant Princess

Sinopse
No imaginário popular, Catarina de Aragão é vista como a rainha desprezada por Henrique VIII, a nobre trocada por Ana Bolena, plebéia da corte dos Tudor. Philippa Gregory, autora de A irmã de Ana Bolena, recria a infância e a juventude da infanta de Espanha. Criada no palácio de Alhambra, em Granada, Catarina fora prometida aos três anos de idade a Artur, príncipe de Gales. No entanto, a morte prematura do jovem após o casamento, fez com que Catarina se unisse a Henrique VIII, irmão mais novo de Artur. A partir de um dos episódios mais singulares da história inglesa, Phillipa Gregory nos oferece uma romance delicioso.



Resenha

sexta-feira, 7 de julho de 2017

O Projeto Rosie - Graeme Simsion

O Projeto Rosie - Graeme Simsion

Editora: Record
Ano da Edição: 2013
Páginas: 320
Título Original: The Rosie Project

Sinopse
Para se ter a vida de Don Tillman, não é preciso muito esforço. Às terças-feiras come-se lagosta com salada de wasabi (seguindo um roteiro com refeições padronizadas que evitam o desperdício de ingredientes e de tempo no preparo); todos os compromissos são executados de acordo com o cronograma – alguns minutos reservados para a prática do aikido e do caratê antes de dormir; uma hora para limpar o banheiro; três dias da semana reservados para suas idas à feira – e se, apesar dessa programação, algum desagradável contratempo surgir em sua rotina, não há nada que não possa ser solucionado com meia hora de pesquisa científica. Exceto as mulheres. Até o momento, a única coisa não esclarecida pelos estudos no campo de atuação de Don, a genética, é o motivo para sua incapacidade de arrumar uma esposa. Uma namorada ao menos? Ou até mesmo uma amiga para somar ao seleto grupo de amigos de Don, formado por Gene, também professor na universidade, e a mulher dele, Claudia, psicóloga e esposa muito compreensiva. Para solucionar esse problema do modo mais eficaz, Don desenvolve o Projeto Esposa, um questionário meticuloso que irá ajudá-lo a filtrar candidatas inadequadas a seu estilo de vida: fumantes JAMAIS, e mulheres que se atrasam por mais de cinco minutos ou que usam muita maquiagem estão fora dos critérios pouco flexíveis que o levarão à mulher ideal. O único problema é que um questionário desse tipo exige tempo e dedicação, duas coisas que começaram a diminuir exponencialmente no cotidiano de Don desde que ele conheceu Rosie: fumante, vegetariana e incapaz de chegar na hora marcada. Ou esse era o único problema até Rosie entrar na vida de Don e – despretensiosamente, uma vez que ela nunca se candidatou ao Projeto Esposa – mostrá-lo que a mulher ideal não existe, mas o amor, sim.



Resenha

segunda-feira, 3 de julho de 2017

O Leopardo - Giuseppe Tomasi di Lampedusa

O Leopardo - Giuseppe Tomasi di Lampedusa

Editora: Cia. das Letras para TAG
Ano da Edição: 2017
Páginas: 384
Título Original: Il Gattopardo

Sinopse
Romance histórico situado na segunda metade do século XIX, "O Leopardo" conta a fascinante história de uma aristocracia siciliana decadente e moribunda, ameaçada pela aproximação da revolução e da democracia. O enredo dramático e a riqueza dos comentários, o contínuo entrelaçar de mundos públicos e privados e, sobretudo, a compreensão da fragilidade humana impregnam "O Leopardo" de uma particular beleza melancólica e de um raro poder lírico, fazendo dele uma das obras-primas da literatura.



Resenha

sexta-feira, 30 de junho de 2017

O Pequeno Príncipe - Antoine de Saint-Exupéry

O Pequeno Príncipe - Antoine de Saint-Exupéry

Editora: Geração Editorial
Ano da Edição: 2015
Páginas: 160
Título Original: Le Petit Prince

Sinopse
Um piloto cai com seu avião no deserto e ali encontra uma criança loura e frágil. Ela diz ter vindo de um pequeno planeta distante. E ali, na convivência com o piloto perdido, os dois repensam os seus valores e encontram o sentido da vida. Com essa história mágica, sensível, comovente, às vezes triste, e só aparentemente infantil, o escritor francês Antoine de Saint-Exupéry criou há 70 anos um dos maiores clássicos da literatura universal. Não há adulto que não se comova ao se lembrar de quando o leu quando criança. Trata-se da maior obra existencialista do século XX, segundo Martin Heidegger. Livro mais traduzido da história, depois do Alcorão e da Bíblia, ele agora chega ao Brasil em nova edição, completa, com a tradução de Frei Betto e enriquecida com um caderno ilustrado sobre a obra e a curta e trágica vida do autor.



Resenha

segunda-feira, 26 de junho de 2017

A Leitora - Traci Chee

A Leitora - Traci Chee

Editora: Plataforma 21
Ano da Edição: 2017
Páginas: 464
Título Original: The Reader

Sinopse
Era uma vez um mundo chamado Kelanna. Um lugar tão maravilhoso quanto terrível, onde ninguém sabia ler. Lá, as histórias não eram registradas em papel como esta que você está prestes a ler, elas eram simplesmente transmitidas de geração a geração. Em uma dessas lendas, falava-se de um objeto misterioso que guardava a maior magia que o povo de Kelanna já conheceu: o livro. Quem soubesse interpretá-lo teria acesso a um poder inimaginável.

Após o assassinato de seu pai por uma organização misteriosa, a jovem Sefia recebe de herança um estranho objeto retangular, que pode ser a chave para desvendar seu passado. Para isso, ela precisará aprender a decifrá-lo para entender o que o torna tão valioso e se tornar uma leitora. Magia e grandes perigos, como o terrível Flagelo do Leste e sua famosa frota de piratas, cruzarão seu caminho. Mas você se engana se acha que Sefia enfrentará tudo sozinha…



Resenha

sexta-feira, 23 de junho de 2017

Amor de Capitu - Fernando Sabino

Amor de Capitu - Fernando Sabino

Editora: Ática
Ano da Edição: 2008
Páginas: 296
Título Original: Amor de Capitu

Sinopse
Além de romances, novelas, contos e crônicas consagrados pela crítica e pelo público, a versátil criatividade de Fernando Sabino já o levou a diversas incursões em áreas inexploradas da literatura, com senso imaginativo e pleno domínio da expressão verbal.

Em Amor de Capitu ele realiza uma experiência inédita, ao recriar Dom Casmurro sem o narrador original. "O que sempre me atraiu neste romance admirável", afirma, "foi descobrir até que ponto a dúvida sobre a infidelidade de Capitu teria sido premeditada pelo autor através de narrador tão evasivo e casmurro...".
Ao transpor o romance de Machado de Assis para a terceira pessoa, Fernando Sabino consegue enriquecer o mistério, abrindo uma nova possibilidade de leitura de um dos nossos gênios literários. Essa foi a forma encontrada para homenagear o escritor a quem admira desde a juventude. Homenagem que, para o público, traduz-se em duplo prazer: apreciar o encontro de dois grandes romancistas brasileiros.


Resenha

Em homenagem ao aniversário de Machado de Assis, que é dia 21 de junho (são 178 anos de seu nascimento), decidimos fazer uma semana especial sobre uma de suas mais famosas e intrigantes obras: Dom Casmurro. Na segunda-feira Gabriela já falou sobre a obra original e hoje eu vou falar de uma ótima e fiel releitura escrita por Fernando Sabino, Amor de Capitu.

segunda-feira, 19 de junho de 2017

Dom Casmurro - Machado de Assis

Dom Casmurro - Machado de Assis

Editora: Abril
Ano da Edição: 1981
Páginas: 174

Sinopse
Seria a bela Capitu, com seus "olhos de cigana oblíqua e dissimulada", uma adúltera? Teria fundamento o ciúme que corrói a alma de Bentinho? Com finura psicológica e incomparável maestria literária, o grande Machado de Assis mergulha na vida interior do protagonista-narrador, mostrando como a dúvida embaça as emoções e mistura real e imaginário, passado e presente. Uma obra-prima da literatura universal.



Resenha

Em homenagem ao aniversário de Machado de Assis, que é dia 21 de junho (são 178 anos de seu nascimento), eu e Larissa decidimos fazer uma semana especial sobre uma de suas obras. Escolhemos Dom Casmurro, pois foi a única que eu li (é, estou um pouco envergonhada). Hoje, eu vou resenhar o original e, na sexta, Larissa vai falar sobre uma releitura da obra.

sexta-feira, 16 de junho de 2017

A Faca Sutil - Philip Pullman

A Faca Sutil - Philip Pullman

Editora: Objetiva
Ano da Edição: 2002
Páginas: 370
Título Original: The Subtle Knife

Sinopse
Neste segundo volume da trilogia Fronteiras do Universo , Will tem apenas 12 anos e tudo começa quando, depois de matar um homem, ele parte para descobrir a verdade sobre o desaparecimento de seu pai. Num passe de mágica, atravessa o ar e penetra num mundo onde conhece uma estranha garota, Lyra, que, como ele, também tem uma missão a cumprir. Em Cittàgazze, onde os dois se encontram, as ruas são habitadas por espectros letais, devoradores de almas e outras criaturas aterradoras que disputam com todas as forças um poderoso talismã, capaz de cortar o nada e abrir brechas para outros universos - a faca sutil.



Resenha

segunda-feira, 12 de junho de 2017

Os Irmãos Sisters - Patrick deWitt

Os Irmãos Sisters - Patrick deWit

Editora: Planeta (para TAG)
Ano da Edição: 2017
Páginas: 260
Título Original: The Sisters Brothers

Sinopse
"Dois irmãos são contratados para assassinar um garimpeiro em plena corrida do ouro no oeste americano. Eli, o narrador da história, é um homem algo ingênuo e cheio de compaixão. Charlie é um executor pragmático e brutal. Em meio ao humor negro e à violência, brotam emoções intensas e reflexões profundas sobre a honra, amizade, amor, misericórdia, família.

A boa ficção nos leva para outro mundo para que vejamos com mais clareza a nossa própria experiência e a condição humana. Os Irmãos Sisters triunfa nesse sentido. Confie no livro e se entregue ao que, de início, parece ser apenas mais uma aventura em estilo faroeste." (Daniel Galera)



Resenha

segunda-feira, 5 de junho de 2017

A Bela e a Fera - Madame de Beaumont & Madame de Villeneuve

A Bela e a Fera - Madame de Beaumont & Madame de Villeneuve

Editora: Zahar
Ano da Edição: 2016
Páginas: 240
Título Original:La Belle et la Bête

Sinopse
Adaptado, filmado e encenado inúmeras vezes, o enredo de A Bela e a Fera vai muito além da jovem obrigada a casar com uma horrenda Fera que no final se revela um lindo príncipe preso sob um feitiço. Nessa edição bolso de luxo da coleção Clássicos Zahar você encontra reunidas duas variantes da história.

A versão clássica, escrita por Madame de Beaumont em 1756, vem embalando gerações e inspirou quase todos os filmes, peças, composições e adaptações que hoje conhecemos. A versão original, que Madame de Villeneuve publicara em 1740, é de uma riqueza espantosa, que entre outras coisas traz as histórias pregressas da Fera e da Bela e dá voz ao monstro para que ele mesmo narre seu destino.

Toda em cores e ilustrada, essa edição conta com ótima tradução do premiado André Telles, uma apresentação reveladora e instigante assinada por Rodrigo Lacerda e cronologia das autoras. A versão impressa apresenta ainda capa dura e acabamento de luxo.



Resenha

sexta-feira, 2 de junho de 2017

P.S.: Ainda Amo Você - Jenny Han

P.S.: Ainda Amo Você - Jenny Han

Editora: Intrínseca
Ano da Edição: 2016
Páginas: 304
Título Original: P.S.: I Still Love You

Sinopse
Lara Jean sempre teve uma vida amorosa muito movimentada, pelo menos na cabeça dela. Para cada garoto por quem se apaixonou e desapaixonou platonicamente, ela escreveu uma bela carta de despedida. Cartas muito dela, muito pessoais, que de repente e sem explicação foram parar nas mãos dos destinatários. Em "Para todos os garotos que já amei", Lara Jean não fazia ideia de como sair dessa enrascada, muito menos sabia que o namoro de mentirinha com Peter Kavinsky, inventado apenas para fugir do total constrangimento, se transformaria em algo mais. Agora, em "P.S.: Ainda amo você", Lara Jean tem que aprender como é estar em um relacionamento que, pela primeira vez, não é de faz de conta. E quando ela parece estar conseguindo, um garoto do passado cai de paraquedas bem no meio de tudo, e os sentimentos de Lara por ele também retornam. Uma história delicada e comovente que vai mostrar que se apaixonar é a parte fácil: emocionante mesmo é o que vem depois.



Resenha

segunda-feira, 29 de maio de 2017

Contos de Lugares Distantes - Shaun Tan

Contos de Lugares Distantes - Shaun Tan

Editora: Cosac Naify
Ano da Edição: 2012
Páginas: 104
Título Original: Tales from Outer Suburbia

Sinopse
Único livro de contos do premiado autor Shaun Tan, os “lugares distantes” foram inspirados nas experiências da infância do autor em Perth, na Austrália. Nessas 15 histórias, Shaun Tan reúne paisagens estranhas, ficção científica e fantasia. O fantástico e a vida comum convivem lado a lado, dando a impressão de que algo mágico pode acontecer a qualquer momento. As histórias têm um humor que irá cativar dos leitores iniciantes aos mais sofisticados. As ilustrações participam das histórias e, em algumas delas, o final se concretiza apenas por uma forte imagem. Shaun Tan utiliza várias técnicas para criar os desenhos: pintura, guache, grafite,colagem e outras.



Resenha

sexta-feira, 26 de maio de 2017

O Canto Mais Escuro da Floresta - Holly Black

O Canto Mais Escuro da Floresta - Holly Black

Editora: Galera Record
Ano da Edição: 2017
Páginas: 294
Título Original: The Darkest Part of the Forest

Sinopse
Hazel e seu irmão, Ben, moram em uma cidade onde humanos e fadas convivem. A magia aparentemente inofensiva desses seres atrai turistas de todas as partes, que querem ver de perto as maravilhas do lugar e, principalmente, o garoto de chifres e orelhas pontudas que descansa em um caixão de vidro. Hazel e Ben eram fascinados pelo garoto quando crianças. Mas, à medida que crescem, as histórias e teorias que inventavam perdem o encanto. Eles sabem que o garoto de chifres nunca acordará... Até que um dia ele acorda. Agora, os irmãos precisam se tornar os heróis que fingiam ser em suas brincadeiras e desvendar os mistérios que envolvem aquele príncipe com chifres.



Resenha

segunda-feira, 22 de maio de 2017

Um Estudo em Vermelho - Sir Arthur Conan Doyle

Um Estudo em Vermelho - Sir Arthur Conan Doyle

Editora: Zahar
Ano da Edição: 2013
Páginas: 192
Título Original: A Study in Scarlet

Sinopse
Publicado originalmente em 1887, Um estudo em vermelho chegou a ser considerado uma espécie de "livro do Gênesis" para os casos de Sherlock Holmes, pois marca não só a primeira aparição pública do detetive mais popular da literatura universal como o primeiro encontro entre Holmes e Watson. Ao buscar conhecer melhor seu novo amigo, em pouco tempo Watson vê-se envolvido numa história sinistra de vingança e assassinato...



Resenha

sexta-feira, 19 de maio de 2017

Corte de Espinhos e Rosas - Sarah J. Maas

Corte de Espinhos e Rosas - Sarah J. Maas

Editora: Galera Record
Ano da Edição: 2015
Páginas: 434
Título Original: A Court of Thorns and Roses


Sinopse
Em Corte de Espinhos e Rosas, um misto de A Bela e A Fera e Game of Thrones, Sarah J. Maas cria um universo repleto de ação, intrigas e romance. Depois de anos sendo escravizados pelas fadas, os humanos conseguiram se libertar e coexistem com os seres místicos. Cerca de cinco séculos após a guerra que definiu o futuro das espécies, Feyre, filha de um casal de mercadores, é forçada a se tornar uma caçadora para ajudar a família. Após matar uma fada zoomórfica transformada em lobo, uma criatura bestial surge exigindo uma reparação. Arrastada para uma terra mágica e traiçoeira que ela só conhecia através de lendas , a jovem descobre que seu captor não é um animal, mas Tamlin, senhor da Corte Feérica da Primavera. À medida que ela descobre mais sobre este mundo onde a magia impera, seus sentimentos por Tamlin passam da mais pura hostilidade até uma paixão avassaladora. Enquanto isso, uma sinistra e antiga sombra avança sobre o mundo das fadas e Feyre deve provar seu amor para detê-la... Ou Tamlin e seu povo estarão condenados.



Resenha

segunda-feira, 15 de maio de 2017

Mulheres - Carol Rossetti

Mulheres - Carol Rossetti

Editora: Sextante
Ano da Edição: 2015
Páginas: 160
Sinopse
Em 2014, a ilustradora Carol Rossetti começou a desenhar mulheres diversas para testar seus lápis de cor. Nunca poderia imaginar que suas criações despretensiosas ganhariam o mundo e iriam viralizar na internet a ponto de se tornarem matéria na CNN. Com um traço característico e frases inspiradoras, Carol quebrou tabus e espalhou uma mensagem que ecoou em mulheres do mundo todo: somos fortes, merecedoras de respeito e especiais do jeito que somos, independentemente de opiniões e julgamentos alheios. Agora, essa mensagem ganha o formato de livro e inclui textos sobre os temas centrais abordados em suas ilustrações, como corpo, estilo, identidade, relacionamentos e superação.



Resenha

sexta-feira, 12 de maio de 2017

Um Amor Para Lady Johanna - Julie Garwood

Um Amor Para Lady Johanna - Julie Garwood

Editora: Universo dos Livros
Ano da Edição: 2016
Páginas: 400
Título Original: Saving Grace

Sinopse
Uma jovem viúva. Um guerreiro escocês fascinante. Duas vidas transformadas pelo amor e por uma paixão avassaladora. Quando Lady Johanna soube que estava viúva, ela prometeu que jamais se casaria novamente. Com apenas dezesseis anos, ela já possuía uma força de vontade que impressionava a todos que enxergavam além de sua beleza avassaladora. Contudo, quando o Rei John ordenou que ela se casasse outra vez – e selecionou um noivo para ela – pareceu que a moça deveria se conformar com esse destino. Seu irmão, no entanto, sugere ao Rei um novo pretendente:o belo guerreiro escocês Gabriel MacBain. No início, Johanna estava tímida, mas, conforme Gabriel revelou com ternura os prazeres magníficos a serem compartilhados, ela começou a suspeitar que estava se apaixonando por seu novo e rude marido. Logo ficou claro para todo o clã das Terras Altas, portanto, que o ríspido e galante lorde rendera completamente seu coração. Porém, a iminência de uma intriga da realeza ameaça separar o casal e destruir o homem que ensinou a Johanna o significado do verdadeiro amor, que a transportou além de seus sonhos mais selvagens.



Resenha

segunda-feira, 8 de maio de 2017

The Graveyard Book - Neil Gaiman

The Graveyard Book - Neil Gaiman

Editora: HarperCollins
Ano da Edição: 2015
Páginas: 296

Sinopse
Bod is an unusual boy who inhabits an unusual place - he's the only living resident of a graveyard. Raised from infancy by the ghosts, werewolves, and other cemetery denizens, Bod has learned the antiquated customs of his guardians' time as well as their ghostly teachings - such as the ability to Fade so mere mortals cannot see him. Can a boy raised by ghosts face the wonders and terrors of the worlds of both the living and the dead? And then there are being such as ghouls that aren't really one thing or the other.



Resenha

sexta-feira, 5 de maio de 2017

A Bússola Dourada - Philip Pullman

A Bússola Dourada - Philip Pullman

Editora: Objetiva
Ano da Edição: 2008
Páginas: 420
Título Original: Northern Lights

Sinopse
O primeiro volume da trilogia Fronteiras do Universo, de Philip Pullman, se passa em um mundo muito parecido com o nosso — mas com algumas curiosas diferenças. Ciência e religião se confundem. Todo ser humano possui um daemon, um animal inseparável que na infância toma várias formas. E existe um raríssimo objeto que aponta a verdade, mas ninguém sabe fazê-lo funcionar. Lyra é uma menina levada que vive na tranqüila cidade universitária de Oxford, na Inglaterra. Lá, crianças começam a desaparecer. E quando seu grande amigo Roger, some, Lyra parte em sua busca, disposta a desafiar seus próprios temores. Na paisagem árida do Norte, onde tenta encontrar Roger, Lyra enfrenta uma terrível conspiração que faz uso de crianças-cobaias em sinistras experiências. Entre ursos usando armadura e bruxas que sobrevoam as sombrias geleiras, Lyra terá que fazer alianças inesperadas se quiser salvar o amigo de seu trágico destino.



Resenha
Antes da resenha propriamente dita, preciso dizer que chamo o livro de “A Bússola Dourada”, pois essa foi a tradução feita originalmente, de quando comprei e li o livro pela primeira vez. E que por sinal nem foi a tradução do original britânico, que se chama “Northern Lights”; a tradução do Brasil foi feita a partir do nome estadunidense, “The Golden Compass”. Aí quando foram lançar o filme (que, digo logo, não faz jus a essa história), sabe Deus lá porquê, traduziram como “A Bússola de Ouro” e, então, tiveram que relançar o livro com esse novo título. Ridículo, né? Mas enfim, pra mim continua “A Bússola Dourada” e ponto final.

segunda-feira, 1 de maio de 2017

A Rainha de Tearling - Erika Johansen

A Rainha de Tearling - Erika Johansen

Editora: Suma de Letras
Ano da Edição: 2017
Páginas: 352
Título Original: The Queen of Tearling

Sinopse
Quando a rainha Elyssa morre, a princesa Kelsea é levada para um esconderijo, onde é criada em uma cabana isolada, longe das confusões políticas e da história infeliz de Tearling, o reino que está destinada a governar. Dezenove anos depois, os membros remanescentes da Guarda da Rainha aparecem para levar a princesa de volta ao trono – mas o que Kelsea descobre ao chegar é que a fortaleza real está cercada de inimigos e nobres corruptos que adorariam vê-la morta. Mesmo sendo a rainha de direito e estando de posse da safira Tear – uma joia de imenso poder –, Kelsea nunca se sentiu mais insegura e despreparada para governar. Em seu desespero para conseguir justiça para um povo oprimido há décadas, ela desperta a fúria da Rainha Vermelha, uma poderosa feiticeira que comanda o reino vizinho, Mortmesne. Mas Kelsea é determinada e se torna cada dia mais experiente em navegar as políticas perigosas da corte. Sua jornada para salvar o reino e se tornar a rainha que deseja ser está apenas começando. Muitos mistérios, intrigas e batalhas virão antes que seu governo se torne uma lenda... ou uma tragédia.



Resenha

sexta-feira, 28 de abril de 2017

Resgatado Pelo Amor - Nora Roberts

Resgatado Pelo Amor - Nora Roberts

Editora: Bertrand Brasil
Ano da Edição: 2007
Páginas: 364
Título Original: Chesapeake Blue
Sinopse
Neste romance que dá continuidade à Trilogia da Gratidão, Seth Quinn, agora um homem-feito, terá que se defrontar com seu passado antes de se entregar à mulher que tanto ama. Resgatado Pelo Amor, de Nora Roberts, foi escrito a pedido de sua legião de fãs, encantada com a história da família Quinn narrada em Arrebatado Pelo Mar, Movido Pela Maré e Protegido pelo Porto. Publicada originalmente alguns anos depois da trilogia original, é uma obra independente que traz de volta a emoção da melhor e mais emocionante saga da autora. Seth Quinn finalmente está em casa e foi uma longa jornada. Após uma infância terrível, em companhia da mãe viciada em álcool e drogas, ele foi acolhido pela família Quinn e cresceu com três irmãos mais velhos, que cuidaram dele com muito amor. Agora já adulto e voltando da Europa como um pintor consagrado, Seth pretende se estabelecer de vez na baía de Chesapeake, na costa de Maryland, junto de Cam, Ethan e Phillip, seus queridos irmãos, e também de suas cunhadas e sobrinhos, que tornam o clã dos Quinn uma saudável e abençoada confusão com destino à felicidade. Seth está de volta à casa azul e branca onde há sempre um barco no cais, uma cadeira de balanço na varanda e um cão correndo pelo quintal. Só que muita coisa mudou na cidadezinha de Saint Christopher desde que ele foi embora. E, em Resgatado pelo Amor, de Nora Roberts, o segredo que Seth manteve escondido durante muitos anos ameaçará vir à tona para destruir não apenas sua nova vida, mas também seu novo amor.



Resenha

segunda-feira, 24 de abril de 2017

A Câmara Sangrenta - Angela Carter

A Câmara Sangrenta - Angela Carter

Editora: Dublinense para TAG
Ano da Edição: 2017
Páginas: 224
Título Original: The bloody chamber

Sinopse
Originalmente lançados em 1979, os contos aqui reunidos são prova da sofisticação e criatividade de Ângela Carter. Ao se apropriar de histórias folclóricas como Chapeuzinho Vermelho e a Bela e a Fera, além de personagens míticos como vampiros, lobisomems e entidades sobrenaturais, a autora reconstrói um universo realista que bebe no fantástico. Como quem desmancha um quebra-cabeça, ela reposicionar as peças do feminino, da violência, da sexualidade e do heroísmo em um imaginário inovador e indiferente aos paradigmas de sua época. Embora pouco conhecida no Brasil, Ângela Carter é considerada uma das principais escritoràs inglesas do século 20. Sua obra é tão vasta quanto variada: são mais de trinta livros, entre contos, romances, poemas, ensaios e peças. Acumulou diversos prêmios durante a carreira, mas sua grande conquista está no legado artístico e humano de suas palavras. A Câmara sangrenta e outras histórias é um dos melhores exemplos de seus méritos.



Resenha

sexta-feira, 21 de abril de 2017

Quando Você Voltar - Kristin Hannah

Quando Você Voltar - Kristin Hannah

Editora: Arqueiro
Ano da Edição: 2013
Páginas: 352
Título Original: Home Front

Sinopse
Como tantos casais, Michael e Jolene não resistiram às pressões do dia a dia e agora estão vendo seu relacionamento de doze anos desmoronar. Alheio à vida familiar, Michael está sempre mergulhado no trabalho, não dá atenção às duas filhas e não faz a mínima questão de apoiar a carreira militar da esposa. Então Jolene é convocada para a guerra. Ela sabe que tem um dever a cumprir e, mesmo angustiada por se afastar de casa, deixa para o marido a missão de cuidar das meninas e segue para o Iraque. Essa experiência mudará para sempre a vida de toda a família, de uma forma que ninguém poderia prever. No front, Jolene depara com a dura realidade e precisa, mais do que nunca, recorrer à sua força e inteligência para se tornar uma heroína em meio ao caos. Em suas mensagens para casa, ela retrata um mundo cor-de-rosa, minimizando os horrores que vivencia com o objetivo de proteger todos do sofrimento. Mas toda guerra tem um preço, e ela acaba se vendo protagonista de uma tragédia. Agora Michael precisa encarar seus medos mais profundos e travar uma batalha em nome da família.



Resenha

segunda-feira, 17 de abril de 2017

Quadribol Através dos Séculos - Kennilworthy Whisp

Quadribol Através dos Séculos - Kennilworthy Whisp (J.K. Rowling)

Editora: Rocco
Ano da Edição: 2001
Páginas: 64
Título Original: Quidditch Through the Ages

Sinopse
Se você algum dia quis saber como surgiu o pomo de ouro ou por que o time dos 'Vagamundos de Wigtown' (Wigtown Wanderers) tem a estampa de um cutelo de açougueiro no uniforme, você precisa ler 'Quadribol através dos séculos' (Quidditch throught the ages). Esta edição limitada é uma cópia do exemplar guardado na Biblioteca Escolar de Hogwarts e consultado por jovens fãs do quadribol quase diariamente. A renda obtida na venda deste livro reverterá para o Comic Relief, que destinará o dinheiro ao seu trabalho de salvar vidas - um trabalho mais importante e mais surpreendente do que a segunda captura do pomo de ouro, em três segundos e meio, por 'Rodrigo Plumpton' (Roderick Plumpton), em 1921.



Resenha

sexta-feira, 14 de abril de 2017

Nove Regras a Ignorar Antes de Se Apaixonar - Sarah MacLean

Nove Regras a Ignorar Antes de Se Apaixonar - Sarah MacLean

Editora: Arqueiro
Ano da Edição: 2016
Páginas: 384
Título Original: Nine Rules to Break When Romancing a Rake

Sinopse
A sonhadora Calpúrnia Hartwell sempre fez tudo exatamente como se espera de uma dama. Ainda assim, dez anos depois de ser apresentada à sociedade, ela continua solteira e assistindo sentada enquanto as jovens se divertem nos bailes. Callie trocaria qualquer coisa por uma vida de prazeres. E por que não se arriscar se, aos 28 anos, ela já passou da idade de procurar o príncipe encantado, nunca foi uma beldade e sua reputação já não lhe fará a menor diferença? Sem nada a perder, a moça resolve listar as nove regras sociais que mais deseja quebrar, como beijar alguém apaixonadamente, fumar charuto, beber uísque, jogar em um clube para cavalheiros e dançar todas as músicas de um baile. E depois começa a quebrá-las de fato. Mas desafiar as convenções pode ser muito mais interessante em boa companhia, principalmente se for uma que saiba tudo sobre quebrar regras. E quem melhor que Gabriel St. John, o marquês de Ralston, para acompanhá-la? Afinal, além de charmoso e devastadoramente lindo, ele é um dos mais notórios libertinos de Londres. Contudo, passar tanto tempo na companhia dele pode ser perigoso. Há anos Callie sonha com Gabriel e, se não tiver cuidado, pode acabar quebrando a regra mais importante de todas – a que diz que aqueles que buscam o prazer não devem se apaixonar perdidamente.



Resenha

segunda-feira, 10 de abril de 2017

A Diaba e sua Filha - Marie NDiaye

A Diaba e sua Filha - Marie NDiaye

Editora: Cosac Naify
Ano da Edição: 2011
Páginas: 40
Título Original: La Diablesse et son Enfant

Sinopse
A atmosfera noturna dá à história da autora franco-senegalesa Marie NDiaye um caráter sombrio e misterioso. O sincretismo de NDiaye ecoa em seu texto, mescla de metáforas dos contos de fada tradicionais e de elementos da literatura africana. No livro, uma diaba sai todas as noites da floresta à procura de sua filha que desapareceu misteriosamente, junto com a casa onde moravam. Foi quando a diaba percebeu também que seus delicados pés haviam se transformado em cascos de cabra – deformidade que causa repulsa nas pessoas. A ambiguidade da personagem – alegoria da noite –, de face graciosa, olhos doces, mas com cascos no lugar dos pés, suscita no leitor alguma hesitação e muitos questionamentos. Um livro enigmático que nos convida a refletir sobre como o afeto é capaz de humanizar até a aparentemente mais aterrorizante criatura e sobre a importância de se respeitar as diferenças, visíveis e invisíveis.



Resenha

sexta-feira, 7 de abril de 2017

Newt Scamander - Um Scrapbook do Filme - Rick Barba

Newt Scamander - Um Scrapbook do Filme - Rick Barba

Editora: Galera Record
Ano da Edição: 2016
Páginas: 48
Título Original: Newt Scamander - A Movie Scrapbook

Sinopse
Saiba tudo sobre Newt Scamander e o incrível filme inspirado no mundo mágico de J.K. Rowling e Animais Fantásticos e Onde Habitam. Espie a maleta encantada de Newt Scamander, encontre criaturas maravilhosas, percorra as ruas da Nova York dos anos 1920 e conheça os fascinantes amigos de Newt! Esse scrapbook encantado levará os leitores por uma aventura interativa através de Animais Fantásticos e Onde Habitam. Repleto de artefatos destacáveis, como jornais mágicos, pôsteres e outros achados incríveis para todas as idades!



Resenha

segunda-feira, 3 de abril de 2017

O Capote - Nikolai Gógol

O Capote - Nikolai Gógol

Editora: L&PM para TAG livros
Ano da Edição: 2017
Páginas: 48
Sinopse
Escrita em 1842, é considerada a obra prima da literatura russa. É a história de um pobre funcionário público que, a grandes custos, consegue comprar um novo capote e é roubado no mesmo dia em que o inaugura. Segue-se então, uma via-crúcis pela burocracia russa...



Resenha